fbpx

Notícias

Professor da Fazu orienta produção de forragens de fazendas de gado de leite

//
Comentário0
/

O professor da Fazu (Faculdade Associadas de Uberaba), Juliano Ricardo Resende, visitou uma fazenda referência no extremo Sul da Bahia. A Fazenda Campo Grande produz 15.000 litros/dia onde cerca de 400 vacas permanecem em pastagem de capim Mombaça com média de 20 litros/dia.

De acordo com o professor Juliano, o lote de maior produção está com média de 29 litros/dia, recebendo cerca de 12 kg de concentrado com baixa concentração de farelo de soja, visto que o Mombaça bate acima de 16% de proteína bruta. Desde 2013, o professor é o responsável pela orientação em produção de forragem do projeto.

“Atualmente está sendo construído um compost-barn com capacidade para 1.500 vacas onde o volumoso utilizado será silagem de capim Mombaça. Calculamos necessidade de 18.000 toneladas de matéria seca/ano para este rebanho e vamos plantar 300 há de Mombaça e 100 há de milho (irrigado) para produzir silagem”, conta o professor.

O professor visitou ainda a Fazenda Sapucaia, projeto que está produzindo 1.400 litros com apenas 70 vacas na ordenha. A fazenda tem 12.5 há irrigado de capim-mombaça. “Vamos plantar mais 5 há de tifton 85 e estabilizar o rebanho em lactação em 122 vacas e produzir 2.500 litros/dia. O interessante desse projeto é que não daremos de forma alguma silagem para vacas em pasto trabalhando com lotação de inverno o ano todo. Para fazendas que tem condição de irrigar a forragem, não trabalhar com silagem é uma opção interessante para reduzir custos e operacional”, finaliza Juliano.

Deixe uma resposta