Notícias

Pós-graduação da Fazu é reformulada e tem aumento exponencial de alunos matriculados

//
Comentário0
/
Categorias

A pandemia do novo coronavírus e o formato de Ensino a Distância (EaD) aceleraram a busca pelos cursos de Pós-graduação Agro da Fazu (Faculdades Associadas de Uberaba). Mais de 320 profissionais das Ciências Agrárias do Brasil e do exterior ingressaram nos nove cursos de pós-graduação no segundo semestre de 2020. As aulas tiveram início no dia 03 de agosto e conta com uma aula semanal ao vivo, além das videoaulas de cunho teórico-prático previamente gravadas.

O novo cenário imposto pela Covid-19 mostrou que é possível se manter produtivo e atualizar os conhecimentos por meios remotos. “O formato de Ensino a Distância (EaD) sempre sofreu muito preconceito e agora a pandemia está fazendo as pessoas aprenderem a lidar com demandas de maneira integrada, com a digitalização, com novas habilidades e com o desenvolvimento da resiliência. Aprendemos que é possível se comunicar, ser produtivo e tomar decisões virtualmente”, destaca o coordenador do setor de Pós-graduação, Pesquisa e Extensão, Dr. Luan Odorizzi.

A Fazu abriu turmas nos cursos de Agricultura de Precisão; Proteção de Plantas; Produção e Tecnologia Sucroenergética; Fertilidade do Solo e Nutrição de Plantas; Manejo da Pastagem; Nutrição e Alimentação de Ruminantes; Gestão da Qualidade em Fábricas de Rações; Confinamento de Bovinos de Corte; Melhoramento Genético de Gado de Corte.

Para a aluna da Pós em Melhoramento Genético Animal, Jéssica Huescar dos Santos, o curso está superando todas expectativas. “Meu objetivo é me aprofundar nesta área para que eu consiga ter melhor embasamento teórico-prático e ajudar os clientes e colegas de trabalho. Os professores são maravilhosos, com muita bagagem e experiência para nos passar os conteúdos necessários e também com muita didática e sempre dispostos a sanar nossas duvidas com prontidão. Fico feliz em poder fazer parte desta experiência e acredito que a Fazu irá ser um marco em meus conhecimentos e minha carreira”, destaca Jéssica Huescar, que trabalha na CRV Lagoa, na cidade de Sertãozinho (SP).

Já o ex-aluno do curso de Agronomia da Fazu e pós-graduando do curso de Produção e Tecnologia Sucroenergética, Gustavo Silva, afirma que sempre confiou no ensino da Fazu. “Estamos finalizando o primeiro módulo e estou surpreso com a qualidade técnica do conteúdo apresentando, o material é extremamente didático e profissional. As aulas são extremamente explicativas e os professores sensacionais, reconhecidos e experientes. Eu tenho muito orgulho de escolher a Fazu em todos momentos da minha vida”.

Deixe uma resposta