Fazu News

Saiba o que acontece na Fazu

Empresas Juniores: consultoria técnica e baixo custo atraem produtores rurais

//
Postado por
/
Comentário0
/
Categorias

Estudantes contribuem para o desenvolvimento da produção agropecuária através de assessoria supervisionada por professores

Com o objetivo de incentivar o aluno a empreender e contribuir com a comunidade, oferecendo serviços de baixo custo às empresas, a Fazu (Faculdades Associadas de Uberaba) conta com três Empresas Juniores (EJs): ProFarmers, da Agronomia; FazuPec, da Zootecnia; AgroPlan, do Agronegócio. As empresas possuem salas para atendimento, reunião e trabalho, cedidas especialmente pela faculdade. As empresas juniores da Fazu são orientadas pelo professor MSc. Guilherme Salge Roldão, integrante do Núcleo de Empreendedorismo e Inovação, com o apoio total do corpo docente da instituição.

Empresa Júnior é uma associação civil sem fins lucrativos e com fins educacionais formada exclusivamente por alunos do ensino superior ou técnico, regulamentada no Brasil através da Lei 13.267/2016. A contratação de uma Empresa Júnior pode alavancar negócios tradicionais e incentivar a abertura de novos empreendimentos. Inovação, criatividade, conhecimento aplicado e credibilidade são aspectos encontrados nestas iniciativas.

Idealizada pelo professor Guilherme e por um grupo de alunos da Agronomia, a ProFarmers surgiu de uma conversa informal com um consultor de grandes projetos agropecuários. “O consultor lamentou que muitas empresas de pequeno porte o procurava e ele não conseguia atendê-las, devido à grande demanda de trabalho. A partir dessa conversa, me reuni com alunos interessados, com o diretor e professores, e, em alguns meses, lançamos a ProFarmers, que logo começou a atuar em eventos e a assessorar agricultores”, afirma Roldão.

As EJs complementam o ensino da sala de aula por meio da prática profissional e do desenvolvimento de competências conectadas às demandas do campo. Como é o caso da AgroPlan, empresa júnior do curso de Agronegócio, que iniciou o trabalho de consultoria em administração rural do Mini Abatedouro Municipal de Aves, da Comunidade de São Basílio. O projeto desenvolvido pela AgroPlan visa diminuir os custos de produção e aumentar as vendas. Com menos de um ano de existência, a FazuPec conquistou um quadro considerável de clientes, atuando nas áreas de produção e intensificação de pastagens, produção de gado de corte, implantação de uma ovinocultura e intensificação de um sistema de piscicultura.

“A qualidade técnica das informações prestadas pelos acadêmicos, sob a supervisão dos docentes, aliada à maturidade e facilidade de relacionamento que temos vivenciado nos faz acreditar que a nossa parceria será muito promissora”, comenta o produtor rural de Igarapava, Lucélio Couto.

Natural do Maranhão, Luis Eduardo Mendonça de Almeida conheceu a Fazu através da Revista ABCZ. Mesmo aprovado em faculdades federais da região, o aluno do 7º período do Curso de Zootecnia escolheu a Fazu. Luis afirma que a criação da FazuPec foi marco em sua vida acadêmica. “Eu tenho muito orgulho de ser membro fundador da FazuPec. A empresa júnior me proporcionou a oportunidade de aplicar de forma prática os conceitos teóricos ensinados na faculdade”, destaca.

Deixe uma resposta